Telemedicina no Brasil – Entenda melhor sobre o teletransporte da saúde!

A telemedicina é uma tendência que cresce mais e mais a cada dia, e isso não é à toa, já que ela atua exatamente como um teletransporte da saúde

Nós sabemos que a saúde é um direito fundamental de todas as pessoas, já que essa é uma das condições fundamentais para que elas possam viver bem. Porém, infelizmente, isso não é o que acontece em todos os casos.

Em uma pesquisa do periódico médico internacional The Lancet sobre qualidade e acesso à saúde, o Brasil ficou na 89ª posição, de 195 países participantes, ou seja, aproximadamente no meio da tabela. Esse não é um índice muito bom.

Por ser um país com extensão territorial muito grande, várias pessoas de todo o Brasil não possuem acesso à saúde de qualidade pela falta de profissionais capacitados onde moram. Porém, isso já está mudando.

A telemedicina no Brasil é uma verdadeira oportunidade de proporcionar esse acesso à saúde que todos precisam, e sua atuação chega a ser quase mágica, como um teletransporte da saúde.

Vamos entender melhor como funciona essa tecnologia e quais são os reais benefícios que o Brasil, bem como todos os outros países, podem aproveitar ao passar a utilizá-la.

O que é a Telemedicina?

Por definição, a telemedicina é a aplicação de tecnologias modernas dos segmentos de telecomunicação e informação para o oferecimento de atenção e cuidados médicos, informações e serviços a distância entre os médicos e também os pacientes.

Os grandes centros do Brasil, como as capitais dos estados e os locais com maior concentração da população, geralmente contam com um bom acesso à saúde, ou pelo menos ela é oferecida, o que não acontece em outras regiões.

Locais mais afastados, por exemplo, sofrem com a carência de profissionais capacitados: quando um morador da região se forma como médico, geralmente procura os grandes centros, e poucos são os que fazem o caminho contrário.

Então, muitas vezes, quem mora nesses locais afastados tem duas opções: se deslocar até um grande centro, o que demanda um investimento considerável, ou então abandonar o tratamento médico, opção que é mais comum do que pode parecer.

Felizmente, o potencial da telemedicina no Brasil pode mudar essa situação de uma vez por todas e fazer com que o país seja um local mais justo e equilibrado no que tange ao oferecimento de saúde a todos os seus habitantes.

Como a Telemedicina no Brasil pode fazer a diferença?

Exatamente por ainda estar em crescimento, muitas pessoas ainda se perguntam como a telessaúde e telemedicina ajudam a salvar vidas no Brasil, o que é uma pergunta normal, dada à divulgação sobre o assunto, que ainda não é muito grande.

Muitas vezes, o que acontece nessas regiões distantes é que elas até dispõem de equipamentos e técnicos para a realização de exames de imagem, por exemplo, mas o efetivo de radiologistas não é grande ao ponto de atender à demanda.

Então, o paciente agenda um exame, espera um tempo considerável até que possa realizá-lo e, quando chega o dia, pode não haver um radiologista no local, o que é bem grave, ainda mais se o paciente teve que encarar uma longa viagem para isso.

Isso deflagra uma necessidade ainda mais importante quando se trata de pessoas que estejam tratando algum tipo de doença ou condição mais séria, que não pode esperar. É justamente isso que a telemedicina no Brasil visa evitar.

Entenda sobre a Telemedicina no Brasil e o que ela proporciona!

Com esse conceito, o exame pode ser realizado por um técnico radiologista e depois enviado, pela internet, para uma equipe de radiologistas remotos, que analisarão o exame, emitirão um laudo e o enviarão de volta ao paciente.

Então, a clínica médica ou hospital não precisa, necessariamente, contar com equipes de radiologistas de plantão todos os dias, o que resulta em um investimento alto: basta recorrer à telerradiologia, que também funciona 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Até mesmo exames de urgência podem se beneficiar da telemedicina no Brasil, já que quando é informado que há caráter de urgência no laudo, este pode ser emitido em até 30 minutos.

Também há que se ressaltar a telessaúde, que permite a realização de consultas médicas a distância, como em uma videoconferência, também com a mesma validade de uma consulta convencional.

As expectativas da telemedicina no Brasil são muito grandes, e seu funcionamento lembra muito o de um teletransporte de informações, laudos e exames, que não apenas são interessantes, como também podem salvar vidas devido à sua agilidade.

A Telemedicina no Brasil realmente dará certo?

Sem sombra de dúvidas! Ela já existe atualmente e está em franco desenvolvimento. Daqui a algum tempo, ela já passará a fazer parte dos procedimentos convencionais da saúde dos brasileiros.

Diferente do que muitas pessoas pensam, a telemedicina não vai substituir profissionais, mas sim ajudá-los a serem ainda melhores, além de proporcionar condições muito mais adequadas de saúde a todas as pessoas do mundo.

Saiba mais sobre
Telerradiologia

Quer descobrir mais sobre telerradiologia? Entenda tudo sobre esse universo que pode agregar mais resultados em sua clínica com a aceleração de diagnósticos, rapidez na entrega de laudos para pacientes, saúde e tecnologia. A DiagRad preparou um conteúdo exclusivo para você e pode ser sua parceira nos serviços de telemedicina!

Saber mais

 

Não há nada de demasiadamente arriscado ao afirmar que a telemedicina no Brasil já dá certo nos dias de hoje e que isso aumentará exponencialmente nos próximos anos, já que é uma ótima tendência de tecnologia.

Realmente, pode ser que a popularização dessa tecnologia ainda leve um pouco de tempo, já que ainda é preciso que as clínicas e hospitais estejam habituados a ela e disponham da infraestrutura necessária, que também é bastante simples.
Logo, é latente que a telemedicina no Brasil e a emissão de laudos a distância está em crescimento e se manterá assim por muitos anos, até que alcance toda a população, o que será extremamente benéfico para todos.

Matérias Relacionadas

Empresa de Telerradiologia

Orçamentos

Eu gostaria de receber as novidades da DiagRad.

Sua mensagem foi enviada.
Orçamentos