Descubra o que é o raio-x OIT e para que ele serve

Entenda como funciona esse importante exame, que pode ter seus laudos elaborados via telerradiologia

Em determinadas áreas, alguns exames são obrigatórios para que se possa verificar com uma certa frequência qual é o estado real de saúde do trabalhador.

Pessoas que atuam em locais com condições adversas, como mineradores, trabalhadores da construção civil ou agricultores, podem ficar expostos a ambientes com poeiras ou substâncias químicas.

As convenções trabalhistas brasileiras orientam para que os empregadores garantam que os seus colaboradores recorram aos Raios-X padrão OIT para essa verificação. Além disso, para fins de documentação, exames admissionais e demissionais também devem incluir essa modalidade de exame entre os itens obrigatórios.

 

raio-x
Mas, você sabe exatamente como o exame de raio-x OIT surgiu e como ele funciona?

Nesse artigo, vamos falar um pouco sobre os Raios-X OIT e de que maneira os laudos via telerradiologia podem ser decisivos na hora de agilizar o diagnóstico preciso de um paciente.

O que é o Raio-X OIT?

O Raio-X OIT é um exame específico destinado ao acompanhamento de doenças relacionadas a trabalho. Ele é capaz de registrar imagens dos ossos, dos órgãos internos, como por exemplo os pulmões, além de permitir que os médicos vejam detalhes na estrutura da coluna. Além disso, o exame é amplamente utilizado para verificar a existência de fraturas, doenças ósseas, tumores e outros problemas.

Como você pode perceber, sua utilização é bastante ampla. Além disso, os diagnósticos que ele permite tocam em doenças bastante delicadas, como aquelas relacionadas à respiração. Isso faz com que seja de extrema importância não apenas ter um diagnóstico preciso da situação, mas também um laudo produzido com agilidade. De preferência em no máximo 24 horas.

Doenças como as que podem ser descobertas por meio dos Raio-X OIT são extremamente dependentes de cuidados em estágio inicia. Dessa forma, quanto antes o paciente tiver acesso ao laudo de Raio-X OIT, maiores são as chances de se iniciar um possível tratamento em tempo hábil para que não haja danos mais sérios ao organismo. Saiba também sobre a classificação internacional OIT para radiografias.

O que é o padrão OIT?

A sigla OIT diz respeito à Organização Internacional do Trabalho. É ela quem estabelece as normas para que esse tipo de exame seja aceito no contexto das organizações.

Pelo fato de esse ser um teste amplamente solicitado por empresas, desde a década de 30 a OIT buscou criar padrões que pudessem orientar as informações necessárias a serem obtidas nos mais variados casos.

Assim, estabeleceu-se a classificação radiológica das pneumonias, que nada mais são do que as doenças do trabalho ocasionadas pela inalação de poeira. É de suma importância que os trabalhadores que atuam em áreas que oferecem algum tipo de risco para a saúde façam o Raio-X de tórax padrão com certa frequência, de forma a identificar possíveis doenças e tratá-las ainda em estágio inicial.

Exame Raio-x de tórax

 

No caso específico do Brasil, as instruções que devem ser seguidas datam de 2014, quando houve uma revisão do padrão de Raio-X OIT.

Trata-se de um exame que pode ser solicitado, conforme sugere a legislação, tanto em exames admissionais quanto em exames demissionais. Além disso, trabalhadores que têm algum tipo de exposição à poeira devem fazer um check-up anual.

Como o Raio-X teve origem?

Os exames de Raio-X, em geral, podem ser considerados um dos mais antigos utilizados na medicina.

O princípio do Raio-X foi descoberto ainda no século XIX, mais precisamente em 1895, pelo físico Wilhelm Conrad Rontgen enquanto fazia alguns experimentos em sua residência.

Ele estudava um tubo de raios catódicos, dentro do qual se colocava um material condutor. Quando aquecido ele emitia elétrons.

Em um dos sus inúmeros testes, Rontgen percebeu que ao ligar esse tubo uma placa feita de um material fluorescente brilhou mais do que o normal. Depois, continuando os testes, ele fez com que os mesmos raios atravessassem a mão de sua esposa até que chegassem a uma chapa branca fotográfica, posicionada do lado oposto. Para a surpresa dele, a imagem dos ossos da mulher ficou impressa na chapa. Nascia assim o Raio-X. Você sabia que raios-x com tecnologia própria serão utilizados pela radiografia brasileira? Veja mais e esteja por dentro de tudo!

A importância da telerradiologia nos laudos de Raio-X OIT

Agora que você já conhece um pouco mais sobre os exames de Raio-X do padrão OIT e sabe da importância dele na prevenção e no tratamento de uma série de doenças, é importante também entender de que maneira a telerradiologia pode ajudar a acelerar esse processo de forma significativa.

>> Entenda mais sobre o que é a telerradiologia e como ela funciona

Quando o exame é realizado em uma clínica ou hospital, as imagens obtidas são enviadas imediatamente via internet para uma central de telerradiologia. Elas ficam armazenadas em um servidor na nuvem, seguindo todos os protocolos de segurança necessários para que essas informações não caiam nas mãos de pessoas mal-intencionadas.

Feito isso, as imagens são recebidas por uma central de telerradiologia. Trata-se de um espaço, cujo funcionamento é 24 horas, onde médicos e radiologistas ficam responsáveis por receber as imagens e produzir os laudos de Raio-X OIT.

 

Saiba mais sobre
Laudos a Distância

A DiagRad, empresa de telerradiologia, preparou informações essenciais para quem quer saber mais sobre os laudos a distância e como eles podem colaborar positivamente em diversos aspectos como: aceleração de diagnósticos, rapidez em laudos, saúde e tecnologia. Descubra como esse universo pode ser útil!

Veja mais

 

Diferente do que acontece quando os exames são laudados internamente pelos estabelecimentos, no caso das centrais há sempre um especialista destinado a cada uma das áreas.

Por exemplo, um especialista em Raio-X de tórax e abdome não fará análises de Raio-X de cabeça, por exemplo. Esse alto grau de especialização permite que os profissionais dedicados se atentem mais a detalhes que poderiam passar despercebidos por profissionais mais generalistas.

Os resultados de raio-X OIT, assim como de outros exames, ficam prontos, em média, em no máximo 24 horas, podendo ficar prontos até na mesma hora caso exista urgência no caso.

Matérias Relacionadas

Empresa de Telerradiologia

Orçamentos

Eu gostaria de receber as novidades da DiagRad.

Sua mensagem foi enviada.
Orçamentos