Exames de Raio X: tire todas as suas dúvidas e faça o melhor laudo

Exames de Raio X são indicados para diagnóstico de problemas ósseos, pulmonares e abdominais. Saiba mais sobre o recurso!

Os exames são procedimentos diagnósticos que auxiliam na identificação de doenças por meio de radiação ionizante. Ele pode ser realizado em diferentes partes do corpo e resulta em uma imagem, a radiografia.

Os Raio X consistem em radiações eletromagnéticas que atravessam as estruturas do corpo e que, de acordo com a densidade, absorvem mais ou menos os raios. Por essa razão os ossos, que são estruturas densas, aparecem mais brancos enquanto os tecidos moles são opacos na imagem gerada.

Conhecer como funciona os exames de Raio X e também as indicações do procedimento é essencial para pacientes e profissionais da área médica. Saiba mais a seguir!

Como é realizado o Raio X?

O exame de raio X é conduzido por um técnico de radiologia e, posteriormente, analisado por um médico especialista com conhecimento sobre a técnica e também sobre a região investigada. A posição do paciente depende do local analisado, como peito, abdômen, membros ou outros.

Após posicionar o paciente, o técnico encaminha-se para a sala de radiologia de onde faz o controle do aparelho de Raio X determinando o tempo de disparo e a intensidade dos raios, aspectos que variam de acordo com a região analisada.

O conhecimento do profissional é essencial para a qualidade dos exames de Raio X e, consequentemente, um diagnóstico mais preciso. O excesso de raios pode gerar radiografias opacas, enquanto em menor intensidade pode deixar a imagem muito branca, prejudicando a visão das estruturas.

 

Aumente a produtividade e reduza os custos da sua clínica/hospital

Reduza seus custos e alcance os melhores resultados!
Manter uma boa equipe médica pode se tornar mais caro e menos eficiente do que contratar uma empresa de telemedicina para envio dos laudos a distância.

Saber mais!

 

Quando os exames de Raio X são indicados?

Os exames podem ser indicados para investigação de diversas condições e patologias, a seguir, destacamos as principais delas em três categorias: ossos e dentes, pulmão e abdômen.

As investigações que incluem ossos e dentes estão entre as mais conhecidas entre os pacientes em geral. Esse recurso auxilia no diagnóstico das seguintes condições:

  • fraturas e infecções em ossos e dentes;
  • sinais de artrite nas articulações, com acompanhamento da evolução da doença ao longo dos anos;
  • cáries dentárias investigando cavidades nos dentes e mandíbula;
  • medição da densidade óssea para identificar osteoporose;
  • tumores e câncer nos ossos.

Os exames de Raio X também auxiliam em investigações na região do tórax, viabilizando o diagnóstico de patologias como:

  • infecções pulmonares, como pneumonia, tuberculose ou câncer de pulmão;
  • câncer de mama por meio da mamografia, técnica que também utiliza raios X;
  • insuficiência cardíaca devido aumento do coração;
  • bloqueio dos vasos sanguíneos e consequente alteração no fluxo de sangue para pulmões e coração.

O abdômen é outra área que pode ser analisada via raio X. Entre as condições investigadas estão:

  • problemas do trato digestivo com o uso de contrastante, como o bário;
  • objetos engolidos.

Portanto, os exames são indicados para investigar diferentes condições de saúde, sendo um procedimento rápido e seguro.

Qual o preparo do paciente para realizar o exame?

O raio X com foco em regiões como pulmão, seios da face e ossos não exige nenhum preparo específico por parte do paciente.

As radiografias contrastadas, no entanto, exigem cuidados especiais. Quando a substância é ingerida via oral é necessário estar em jejum. Caso o exame seja intestinal é receitada uma dieta específica para limpeza da região, não tendo resíduo alimentar no momento do exame.

Caso o contraste seja intravenoso também é pedido que o paciente esteja de jejum para reduzir os riscos de efeitos colaterais.

médico profissional analisando um exame de raio x

Quais as características da radiografia?

As características da imagem da radiografia devem-se à absorção dos raios X pelas estruturas do corpo. O osso tem uma densidade alta, o que faz com que ele absorva mais raios, gerando as partes mais claras da imagem.

Já os tecidos moles, como fibra muscular, órgãos e outros tem uma densidade baixa, fazendo com que apareçam opacos. O pulmão, que deve estar cheio de ar no momento da exposição, aparece escuro.

Devido essas características, o raio X é particularmente útil para investigar problemas dentários e fraturas ósseas. Ainda assim, como visto, ele pode ser usado para análise de outras estruturas, como fígado, bexiga, pulmão, mamas e outras.

Quais os benefícios da telerradiologia para os laudos de exames de Raio X?

Os exames de Raio X são importantes aliados no diagnóstico de diversas condições, no entanto, para um resultado claro e correto é fundamental contar com médicos especialistas para emitir os laudos.

Esse é o papel da telerradiologia, especialidade pela qual o exame realizado é enviado para uma empresa especializada em laudos utilizando softwares específicos conectados à internet.

Na empresa parceira, há profissionais especialistas aptos a realizarem a emissão do laudo médico com mais detalhamento e experiência. O laudo é enviado para o médico solicitante via internet.

Demandas urgentes podem ser atendidas em até 30 minutos, enquanto as de rotina são devolvidas em até 24 horas. Entre as vantagens podem ser destacas:

  • maior qualidade dos laudos emitidos devido à experiência dos médicos responsáveis por laudar os exames;
  • agilidade no retorno do laudo ao paciente, viabilizando um diagnóstico mais rápido e encaminhamento para o tratamento adequado;
  • redução de custos da clínica ou hospital, pois o pagamento é realizado com base apenas nos laudos emitidos;
  • maior qualidade no atendimento ao paciente, reduzindo a insatisfação e reclamações e fidelizando o público;
  • fluxo contínuo de atendimento mesmo em locais remotos e nos quais a limitação de profissionais qualificados restringe a prestação de serviços médicos.

 

Portanto, a emissão de laudos a distância por meio da telerradiologia é uma forma de melhorar o laudo de exames de Raio X garantindo segurança, eficiência e qualidade aos profissionais de saúde e pacientes.

Matérias Relacionadas

Empresa de Telerradiologia

Receba Novidades
sobre gestão hospitalar e tendências da telerradiologia

Orçamentos

Orçamentos