Como é o uso da Radiação na Saúde

Ao falar de radiação, o termo pode assustar, devido à sua associação com bombas e acidentes nucleares, como o ocorrido em Fukushima, no Japão, em 2011. No entanto, o uso em níveis adequados pode contribuir e muito para salvar vidas.

Aliás, todos os dias somos expostos aos seus efeitos devido às substâncias radioativas liberadas pelo sol e até mesmo por resíduos industriais. Estimativas apontam que em um ano uma pessoa pode absorver uma média de 0,001 Sieverts (Sv), o que é considerado seguro para a saúde.

Em termos claros, a radiação é uma energia em diversas apresentações, com propriedades específicas, emitida por núcleos de átomos radioativos. Cada tipo se manifesta de uma forma diferente em nosso organismo. O risco de contaminação existe, mas, segundo especialistas, o que determina seu nível de segurança não é a radioatividade em si, mas os tipos de isótopos utilizados, a quantidade e o tempo de exposição.

Uso da radiação na medicina

Na medicina, o recurso é utilizado em procedimentos diagnósticos por imagem, assim como alternativas terapêuticas. Boa parte deles já estão incorporados em métodos amplamente conhecidos como raio-x, tomografia computadorizada e cateterismo, e outros representam avanços mais recentes, como é o caso da medicina nuclear.

Esta especialidade usa pequenas doses de radiação para diagnosticar, e em quantidades mais altas para tratamento. É fundamental possuir indicação médica para a utilização destes métodos.

 

Uso da radiação nos tratamentos de câncer

Uma significativa revolução neste campo é o equipamento de PET-CET, que promete otimizar o tratamento do câncer. Ele combina as imagens anatômicas e funcionais, resultando em uma terceira imagem que facilita o diagnóstico oncológico, a determinação do estágio da doença e as chances de prognóstico.

A ciência e a medicina usam a seu favor a radiação: devido ao seu potencial de mutações e alterações celulares, é uma arma eficaz para eliminar células cancerígenas.

O método é contraindicado para gestantes, devido à exposição do bebê e os efeitos radioativos não completamente esclarecidos.

Especialmente com o progresso tecnológico, o uso da radioatividade representa uma importante tecnologia a favor da saúde da população. O mais importante em sua recomendação é indicar corretamente em pacientes que podem realmente se beneficiar dos seus efeitos positivos.

 

Laudos de Raio X a distância

Clínicas e Hospitais em todo o Brasil podem necessitar de exames complementares para servir de registro de possíveis alterações na saúde e a DiagRad pode ajudá-lo a melhorar sua eficiência.

Dentre os exames de Raio X, os mais comuns em imagem são o RX de Tórax, RX de Tórax Padrão OIT e RX da Coluna Lombo Sacra, entre outros. As radiografias constituem uma grande parte do volume de exames realizados e, para reduzir custos o envio de laudos de Raio-X a distância pode ser a solução para muitas clínicas e hospitais, mesmo que distantes dos centros mais tecnológicos do país.

 

Saiba mais sobre
Laudos a Distância

A DiagRad, empresa de telerradiologia, preparou informações essenciais para quem quer saber mais sobre os laudos a distância e como eles podem colaborar positivamente em diversos aspectos como: aceleração de diagnósticos, rapidez em laudos, saúde e tecnologia. Descubra como esse universo pode ser útil!

Saber mais

 

Fonte:
O lado da radiação que pode salvar
Radiação: para o bem e para o mal

Matérias Relacionadas

Empresa de Telerradiologia

Orçamentos

Eu gostaria de receber as novidades da DiagRad.

Sua mensagem foi enviada.
Orçamentos