30º Congresso Brasileiro de Medicina Nuclear

Neste mês de novembro, mais exatamente amanhã – 12.11, será a abertura da 30ª edição do Congresso Brasileiro de Medicina Nuclear. Que será realizada até o dia 14, no Hotel Caesar Business Faria Lima, localizado na cidade de São Paulo (SP).

O tema deste ano será: “A medicina nuclear em rede”, tendo como objetivo discutir os avanços da especialidade na era digital, da multimodalidade de imagens e o teranóstico.

Letícia Rigo, médica nuclear e presidente do encontro destaca: “Com a fusão das imagens cintilográficas com outros métodos de imagens anatômicos, foi possível analisar de forma mais objetiva a localização e extensão das lesões, bem como avaliar a resposta terapêutica.”

Outro foco do Congresso será a discussão das oportunidades e desafios associados a essas mudanças e a reflexão sobre o futuro da especialidade no Brasil.  Neste contexto, estará será evidenciado as dificuldades da atuação dos profissionais, aumento do custo dos insumos e materiais radioativos (e com isso, o aumento dos custos dos exames).

O 30º Congresso Brasileiro de Medicina Nuclear é direcionado a médicos nucleares e de outras especialidades, residentes, biomédicos, tecnólogos, biólogos, físicos, químicos, farmacêuticos e especialistas que tenham interesse na aplicabilidade de radioisótopos na medicina.

II Fórum de Pacientes – Medicina Nuclear & Oncologia

Está previsto além da programação educacional e científica do Congresso Brasileiro de Medicina Nuclear, a 2ª edição do Fórum de Pacientes. Uma atividade inspirada no Dia do Paciente – instituído nos eventos da Society of Nuclear Medicine and Molecular Imaging (SNMMI) como forma de dar voz àqueles que são o principal motivo da existência da especialidade: o paciente.

Esta iniciativa acontece no primeiro dia do Congresso, 12 de novembro, no período da manhã, das 8h às 12h55, e reunirá instituições representativas de pacientes oncológico, como: a Associação Brasileira de Linfoma e Leucemias (ABRALE), Instituto Oncoguia, Instituto Lado a Lado e Instituto Vencer o Câncer. No fórum haverá ainda a presença de uma representante do Ministério da Saúde no Fórum.

Os temas centrais desta 2ª edição do fórum serão: câncer de pulmão, mama, próstata e linfomas. Serão realizados diálogos na atividade, inclusive com o relato de um paciente quanto à sua experiência junto à medicina nuclear.

Matérias Relacionadas

Empresa de Telerradiologia

Receba Novidades
sobre gestão hospitalar e tendências da telerradiologia

Orçamentos

Orçamentos