CBR Coluna Vertebral – 2ª Edição Chegou ao Mercado!

Novidade da série CRB traz três capítulos inéditos e mais de 400 imagens adicionais para atender radiologistas brasileiros profissionais e em formação

Excelente notícia para a comunidade de Radiologia! A segunda edição do livro “CBR Coluna Vertebral”, publicada pela Editora Elsevier, foi oficialmente lançada no dia 3 de maio, durante a 48ª Jornada Paulista de Radiologia

A obra pertence à série CBR, “Colégio Brasileiro de Radiologia”, coleção imensamente reconhecida para a comunidade científica que reúne mais de 10 livros produzidos por radiologistas brasileiros de grande prestígio na área.

A primeira edição de “CBR Coluna Vertebral” foi lançada em 2011 e se tornou referência entre os radiologistas por sua qualidade de informações. A obra também ganhou destaque por trazer uma abordagem completa dos problemas ortopédicos considerando o cenário nacional.

O sucesso foi tanto que o livro venceu a 54ª edição do Prêmio Jabuti na categoria Ciências da Saúde, fazendo história por ser a primeira obra da área de Radiologia a receber o maior prêmio da literatura brasileira.

Agora, com a sua segunda edição, o “CBR Coluna Vertebral” oferece ainda mais recursos para auxiliar a formação dos novos radiologistas e atualizar os conhecimentos dos especialistas em Radiologia e Diagnóstico por Imagem. 

Novidades do CBR Coluna Vertebral – 2ª edição

O lançamento da segunda edição do “CRB Coluna Vertebral” é motivo de comemoração para a comunidade. Além do aperfeiçoamento da metodologia didática e da atualização das informações e terminologias, a obra conta com três capítulos inéditos.

Agora, quem consultar o novo livro vai encontrar um conteúdo especializado sobre “Lesões raras da coluna vertebral” (capítulo 17), “Passagem craniovertebral” (capítulo 18) e “Plexos lombossacro e braquial” (capítulo 19).

A nova edição também amplia a coleção de cerca de 2,5 mil imagens com mais de 400 novos diagramas e fotografias de alta qualidade para auxiliar os novos radiologistas em sua formação e os especialistas em seu dia a dia profissional.

Ainda, a terminologia e as referências bibliográficas foram revistas e atualizadas conforme as novas diretrizes da área, e também foram incluídos novos casos didáticos e exemplos para enriquecer o conteúdo da obra.

Uma obra de referência para o estudo da Radiologia

“Coluna Vertebral’’ traz para os radiologistas brasileiros a experiência de editores renomados que conseguiram colocar no livro toda uma vivência dedicada a essa área”, declarou Manoel de Souza Rocha, presidente do CRB.

Rocha ainda destacou a iconografia com imagens radiológicas e esquemas altamente informativos, que facilitam a compreensão das informações da obra.

Assim como a primeira edição, o novo lançamento da série “CRB Coluna Vertebral” apresenta seu conteúdo de forma muito organizada, dedicando capítulos à anatomia, às técnicas tradicionais e modernas de diagnóstico por imagem e às patologias da coluna.

Entre as técnicas, o livro apresenta desde a radiologia mais convencional até exames de imagem mais avançados, incluindo a tomografia, a ressonância nuclear magnética e o PET-CT.

A segunda edição é um material completo para a preparação dos residentes que desejam obter o Título de Especialista ou fazer o Exame do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem para receber o Certificado de Área de Atuação.

Dessa forma, o lançamento da segunda edição do “CBR Coluna Vertebral” casou perfeitamente com o tema da 48ª Jornada Paulista de Radiologia, que neste ano foi “SPR e RSNA: Transformando a Educação na Radiologia”. Aproveite e veja também o que é a radiologia digital CR e DR.

Relevância do CBR Coluna Vertebral – 2ª edição para a população brasileira

Estima-se que 18,5% dos adultos brasileiros sofrem com doenças crônicas na coluna, o que representa um enorme contingente de 27 milhões de pessoas, segundo as informações da última Pesquisa Nacional de Saúde realizada pelo IBGE.

Essas dores, de origem musculoesquelética, têm impacto negativo sobre a produtividade, a situação financeira e a qualidade de vida das pessoas acometidas por esses problemas, entre os quais se destacam os problemas crônicos da região lombar.

Um agravante para essa situação é que quase metade das pessoas acometidas, mais precisamente 46,4% dos indivíduos, não faz nenhum tipo de tratamento, apenas convivendo com a dor e seu eventual agravamento sem receber nenhum tipo de alívio.

Entre os pacientes que estão se tratando, 40% faz uso de medicamentos orais ou injetáveis, 18,9% faz exercícios físicos ou fisioterapia, 2,5% faz acupuntura e 4,4% recorre a outros tipos de tratamento. 

Considerando essas informações sobre a prevalência das dores crônicas de coluna para os brasileiros e o enorme percentual de pessoas que ainda não recebem um tratamento, é evidente a necessidade de uma formação sólida nessa área.

E isso é algo que o “CBR Coluna Vertebral” já se propunha a fazer desde a sua primeira edição, com seu enfoque na realidade brasileira, reforçando ainda mais esse objetivo com as novidades incluídas no lançamento deste mês.

Ainda segundo a Pesquisa Nacional de Saúde, os problemas crônicos de coluna atingem mais a população rural do que a urbana (21,3% e 18,0% das populações respectivamente), com uma distribuição contrária à das outras enfermidades crônicas investigadas.

Sabendo-se que a população rural enfrenta ainda mais dificuldades para receber um diagnóstico e tratamento por estar longe dos grandes centros, ganham destaque também os laudos a distância, fornecidos pela DiagRad, que ampliam as possibilidades a essas pessoas.

Ainda há um longo caminho a ser percorrido no tratamento dos problemas crônicos de coluna, e ferramentas como a tecnologia e uma obra de qualidade ímpar como o “CBR Coluna Vertebral” se apresentam como parte da solução.

Informações

CBR Coluna Vertebral – 2ª edição
Editora Elsevier
Formato: 216 x 276
Número de páginas: 864
Preço sugerido: R$ 667,90

Matérias Relacionadas

Empresa de Telerradiologia

Orçamentos

Eu gostaria de receber as novidades da DiagRad.

Sua mensagem foi enviada.
Orçamentos